Você está aqui: HomeDiário de BordoExpedição Egito 2010EXPEDIÇÃO EGITO 2010Dia 28/04/2010 - 6º Dia - SHARM EL SHEIKH - SHARK & YOLANDA

Dia 28/04/2010 - 6º Dia - SHARM EL SHEIKH - SHARK & YOLANDA

6º dia
28 de Abril de 2010
ÁFRICA – EGITO – SHARM EL SHEIKH - MAR VERMELHO
LOCAL: NAUFRÁGIO SHARK & YOLANDA e DUMRAVEN

                         Como todos os dias, bem cedinho, nos dirigimos ao porto, pegamos nosso barco que já esta com as nossas caixas de equipamentos prontas, que a equipe da escola organiza todos os dias, lavando, tirando e colocando nos barcos.  Uma coisa que já percebemos por aqui no Egito, desde o Cairo, é a pontualidade, todos os guias, carros, aviões, o pessoal do mergulho foram pontuais e corretos no que foi combinado. No que se refere aos Árabes taxistas e vendedores de qualquer coisa, tem que se cuidar na hora da negociação, se não o cano é certo.

                        barco bandeira egito

                       Nosso primeiro mergulho foi num naufrágio de 1981. Encontramos os restos do naufrágio Yolanda, cargueiro que naufragou em 1981 contendo como carregamento banheiras, vasos sanitários, papéis de parede, caixas de whisky e até uma BMW 320 que pertencia ao capitão do navio. 
                      
Segundo a história, o Capitão desse navio descobriu que sua esposa o estava traindo com seu compadre. De noite depois de uns goles a mais, o Capitão chamou o compadre para tirar satisfações, discutiram e brigaram, foi quando perdeu o controle da embarcação, bateu nos recifes e naufragou. 

                         vasos sanitários

                        A carga do naufrágio é o que realmente aparece, pois quase todo o navio foi levado para uma profundidade de quase 200 m, após duas grandes tempestades.

                        VASOS 

                        arraia
                       Arraia Pintada de Azul

                        ITA
                       Mano Ita fazendo pose.

                       corais
                     
A variedade de cores dos corais é fascinante.

                       toco
                       
Toco fazendo pose.

                       De volta ao barco nos deslocamos para o segundo ponto de mergulho do dia, mais um naufrágio, o Dunraven. De longe já dava para ver diferença da cor do Mar Vermelho com o Recife, em cima do qual, o navio foi empurrado por uma tempestade e afundou.

                        recifes

                      Nosso segundo mergulho do dia foi no navio inglês Dunraven, que naufragou em 1876. Navio cargueiro, misto de vela e motor, com comprimento de aproximadamente 90 m, levava como carga madeira e fardos de algodão. O motivo do afundamento foi a colisão com o recife, seguida de incêndio. O naufrágio foi descoberto em 1977 e em 1979 foi realizado um documentário pela BBC, que o tornou um clássico do Mar Vermelho.

                        NO NAUFRAGIO
                       
Entrando no Naufrágio.

                        Como a sua carga foi toda queimada, o grande cargueiro é praticamente uma grande caverna. Seu interior é o lar de muitas espécies de peixes como garoupas, peixes leão e cardumes de peixe vidro.

                       PEIXES

                      DENTRO DO NAUFRAGIO

                     Saindo do Naufrágio, é realmente lamentável não termos equipamento adequado ou mesmo saber fazer fotos com qualidade.

                        SAINDO
                       Saindo do naufrágio.

                        MOREIA
                         Moréia saindo da toca.

                        PEIXINHO

                        VEGETAÇÃO
                      
Vegetação abundante e bem colorida.

                      Mais uma vez de volta a Sharm, fomos conhecer mais um pouco desse pedacinho do paraíso. Fomos ao final do calçadão numa encosta, num “out bar”, no segundo andar que víamos lá do calçadão, chamado Zaza Panorama Sharm. Na verdade, aqui é tudo “out bar”, como nunca chove, ou chove a cada 5 anos um pouco, tudo fica a céu aberto, bares, restaurantes...

                        ZAZA

                       Do Zazá dava para ter uma linda visão de Sharm El Sheikh à noite, tudo muito iluminado, colorido e animadíssimo.

                        SHARM

                        Vista do calçadão no qual se encontra o hotel que estamos hospedados.

                        SHARM

                        Finish

Adicionar comentário / Add Comment / Añadir Comentarios

Gostou do nosso site? Deixe seu comentário! Ele será publicado após a aprovação.


Share on Myspace
Voltar ao Topo