Você está aqui: HomeDiário de BordoExpedição Carretera Austral 2013EXPEDIÇÃO CARRETERA AUSTRAL 20138 dia - Perito Moreno (ARG) à Cochrane (CHI)

8 dia - Perito Moreno (ARG) à Cochrane (CHI)

8 dia - Perito Moreno (ARG) à Cochrane (CHI)

            Depois de muuuuitos kms rodados, quase 4.600 kms, chegamos ao nosso destino, A Carretera Austral. Desde o primeiro planejamento dessa expedição, já sabíamos que estaríamos mais uma vez nos propondo a vencer mais um  grande desafio. Já deu para perceber nesse primeiro dia de Carretera, que passar por essa estrada não é moleza, não é qualquer veículo que trafega por aqui, o piloto tem que ter muita habilidade em Off Road, principalmente para quem esta sobre duas rodas, que a todo momento parecem insistir em te levar para o lado de fora da estrada.   SEGUE.....
c
Saimos hoje bem cedo com o termometro marcando -3 graus e muito gelo nasmotocas.
c
Em 80 kms já estavamos em Los Antiguos, a ultima cidade Argentina, fizemos os tramites aduaneiros e passamos por Chile Chico já no Chile.
c
Estavamos entao comecando nossa aventura pelas estradas Chilenas.
O que os argentinos e chilenos chamam  de rípio, nada mais é do que uma estrada de terra coberta de cascalho, uma espécie de seixo rolado. Este tipo de estrada é comum nestas regiões e a qualidade delas também varia muito de um local para o outro.

C
A diversidade geográfica do continente americano é responsável pela criação de estradas que chegam a ganhar mais fama como produto turístico do que as próprias atrações a que dão acesso. 
X
Nos EUA, a lendária Route 66; na Argentina, a Ruta 40 conta com 5.000 km entre La Quiaca, na fronteira com a Bolívia, e Rio Gallegos, na boca da Terra do Fogo; enquanto no Brasil, aventureiros seguem viagem por rodovias como a Transpantaneira e Transamazônica.
z
No extremo sul do Chile não foi diferente. A Carretera Austral, uma via de 1.240 km que une a Região dos Lagos ao mais longínquo da Patagônia chilena, é um dos maiores orgulhos nacionais da engenheira e sonho de consumo de viajantes, sejam esportistas, mochileiros ou motociclistas de várias partes do mundo.
x
Até a metade da década de 70, a região de Aysén, onde se localiza a famosa estrada, esteve isolada do resto do país e guardava para si um cenário inóspito de clima rigoroso formado por fiordes e canais, reservas naturais e imensos bosques nativos que dividiam espaço com glaciais.Hoje, a paisagem mudou pouco, mas a aventura começa a ganhar investimentos que já permitem percorrer o trajeto com uma estrutura mínima de opções de hospedagem, abastecimento e outros. Mas em se tratando de Carretera Austral, "pouco" já é o muito e não espere mais do que isso. Alguns trechos da estrada ainda têm condições precárias de circulação, Mas como tudo o que é mais difícil é melhor, a gente logo percebe que valeu a pena o esforço após cada quilômetro rodado.
Chegamos a Cochrane na metade da tarde, Abastecemos, pegamos gasolina reserva para amanha, que nao havera mais onde abastecer.
x
Saimos a procura de um hotel, encontramos um bem aconchegante, El ultimo Paraiso.
XAX

Amanha vamos até Caleta Tortel, e se conseguirmos passar pela balsa vamos até Villa O'higgins.

Hasta la vista

Comentários  

 
joao morgado
+1 # RE: 8 dia - Perito Moreno (ARG) à Cochrane (CHI)joao morgado 23-09-2013 12:18
que hotelzinho aconchegante, bom pra quem esta com muito friuuuuu, que não é o caso de vcs né rssss, vão com Deus , abraços
Responder | Responder com citação | Citar
 
 
TURQUINHO
0 # francisco beltrao prTURQUINHO 23-09-2013 13:37
AI MOÇADA VAI BEMM UM VINHO PARA ESQUENTAR.. SÓ ALEGRIA. PÉ NA ESTRADA
Responder | Responder com citação | Citar
 

Adicionar comentário / Add Comment / Añadir Comentarios

Gostou do nosso site? Deixe seu comentário! Ele será publicado após a aprovação.


Voltar ao Topo